Ai que saudade...


Ai que saudade to tempo de criança ,onde lama até os joelhos e sujeira na camiseta era a melhor coisa da vida ,não tendo com que o seu preocupar ,há não ser com que brinquedo brincar.

Ai que saudade to tempo de criança ,onde tudo parecia o mundo mágico de OZ e tendo EU como protagonista principal ,sem ter que se preocupar com negócios e responsabilidades.

Ai que saudade do tempo de criança ,onde jogar futebol era estar no mundo da lua ,e comendo batata frita da avó era a melhor coisa que existia .

Ai que saudade do tempo de criança ,onde a rua era a minha melhor casa e nos braços da mãe meu único lar .Tendo ali meu porto-seguro ,minha muralha da China .

Ai que saudade do tempo de criança ,onde um amor inventado pra mim bastava ,do tempo que as nuvens eram algodão-doce.

Ai que saudade do tempo de criança ,onde o conto de fada se transformava realidade.

Ai que saudade do tempo de criança ,onde até as feridas mais profundas cicatrizavam rápido como um furacão que é a vida hoje.

Ai que saudade do tempo de criança ,onde eu deitava na calçada (Av Pimentel) em baixo de um pé de cuca e sentia a brisa tocar meu rosto como se fosse carinho de amante .

Ai que saudade do tempo de criança ,saudade das preocupações por mim ,saudade de tudo que vivi ,saudade do ainda estar por vim ,saudade de você.

Ai que saudade do tempo de criança ,sem preocupação pra comida ,gordura ,acidente ,amores e coração .

Ai que saudade do tempo de criança ,saudade de você ,saudade de mim ,saudade da alegria que transbordava quando toda a família se reunia pra uma ceia de Natal.

Ai que saudade do tempo de criança ,saudade da cor dos teus olhos quando a luz do sol tocava nele ,saudade mais ainda de você .

Ai que saudade do tempo de criança ,saudade da pessoa que participou da minha vida e me fez ser homem ,muitas saudades de você ,e onde quer que esteja eu espero estar orgulhosa de mim ,não pelos meus atos ,mas sim por minhas atitudes .



Saudade de você...

Vó !

  1. gravatar

    # by Franciele - 5 de abril de 2009 11:08

    Esse poema/desabafo fez eu lembrar da minha infânciá...
    Ficou lindo!
    Parabéns Bruninhu

  2. gravatar

    # by Sonia Schmorantz - 6 de abril de 2009 03:50

    Uma ótima semana para ti, tudo muito bonito por aqui.
    Um abraço

Por favor, evite comentários como "Que Blog legal", "Gostei do Post", "Adorei o Blog", "Continue assim".Se estamos aqui é para escrever algo criativo por que somos capazes. Basta ter força de vontade e ler !
Comentário já uma forma de divulgação.
Comentários com links seram recusados no ato.
Abraços e uma ótima leitura.

Bruno Alves